terça-feira, 29 de junho de 2010

Alive & Kicking

Já estão pintados o quarto da cachopa, o quarto das visitas e a casa de banho do 1º andar. Apenas faltam os corredores, escada, cozinha e casa de banho do rés-do-chão.
Resolvi colocar cor na minha vida e todas as divisões têm agora um toque de cor, o quarto da miúda ficou em cinzento e rosa e o quarto das visitas branco com a sanca em azul, numa evocação às minhas origens algarvias; a juntar aos tons de azul do meu quarto e ao tecto em azuis do escritório.
Posso bem dizer que a cor e a música invadiram a minha vida, sinto-me como tendo renascido, não sei se sou uma nova pessoa ou se libertei aquele que se encontrava agrilhoado num limbo e que tinha sido substituído por uma marioneta. Sinto-me livre e, fundamentalmente, sinto-me vivo – Alive & Kicking – vivia preso entre um espartilho que me tolhia a liberdade e um amor sofrido, sofrível, insano, maníaco-depressivo que quase me matou.
2010 foi o ano da libertação, estou livre de quase todas as grilhetas, quase – continuo preso a um emprego, a uma hipoteca mas tenho a preocupação e o prazer de viver com a minha filha. Há liberdades que preferimos não ter e “libertar-me” da minha filha é algo que definitivamente não gostaria.
Para a semana vou de férias, já tenho planos: assistir aos 1.000 Km de Portimão das Le Mans Series, mergulhar no galeão francês Ocean e noutros locais a ver, fazer uns passeios de veleiro e sobretudo passar 3 semanas com a filhota no Algarve. Depois será o regresso e 3 semanas sem a filha (que ficará com a mãe), altura escolhida para completar a pintura do lar.

Fiquem Bem no Lado Escuro da Lua!

quinta-feira, 17 de junho de 2010

O Primeiro Dia

 

Este Post deveria ter sido colocado no Sábado. A mãe da minha filha saiu de casa na sexta-feira, tendo assim terminado um casamento que durou 21 anos, Situação que desde há muitos meses era previsível e inevitável, mas que para evitar uma desestabilização da filha em pleno ano lectivo só agora se consumou.


Para acompanhar estas profundas mudanças resolvi redecorar por completo a minha casa, pintei o quarto em 2 tons de azul, decorei-o com fotos submarinas (tiradas por mim e convertidas em posteres), substituí a mobília que ela levou pelo amplificador Denon e pelas colunas KEF. Transferi o escritório do 1º andar para o rés-do-chão e pintei-lhe o tecto de azul celeste com a sanca em azul marinho e as paredes de branco. Pintada também foi a minha casa de banho (embora aqui sem qualquer alteração, tirando a disposição das coisas). Na noite de Domingo para Segunda, foi a vez da cozinha sofrer uma remodelação em grande, mudando a disposição dos frigoríficos, da mesa e de um armário, ficando agora uma verdadeira cozinha com copa (falta pintar, mas isso ficará para quando a filha for de férias com a mãe).

Enfim, ainda tenho o quarto da cachopa, o quarto das visitas/biblioteca, as outras casas de banho e as escadas e corredores. Devagar se vai ao longe e tem sido assim mesmo que as coisas têm avançado. Mas ainda há um reorganizar de rotinas que me tem consumido imensa energia.

Como podem ver tempo é algo que não disponho em excesso, Vamos lá a ver se é desta que regresso a estas lides.

Fiquem Bem no lado escuro da Lua!